O que acontece com pessoa que guarda mágoas do seu namorado(a) / esposo (a)? / Formas de superar as mágoas do casal

É natural desentendimentos na relação amorosa já que o casal troca muitas experiências. Existem formas diferentes de agir, pensar e demonstrar sentimentos. Cada pessoa “funciona” de um jeito, e nessas diferenças entre o casal podem surgir mágoas, seja por opiniões ou comportamentos que um não concorda com o outro.

Quando a pessoa não consegue lidar com uma mágoa em relação ao outro, qualquer momento pode se tornar motivo de briga. Por ela “carregar” sua mágoa, pode se tornar agressiva com aquele que “provocou” essa emoção. Essas mágoas acumuladas acabam “desgastando, minando e estragando” as relações. E assim, o relacionamento fica “pesado”.

Muitas vezes o outro pode até falar “não é motivo para tanto”, mas justamente é porque a pessoa está com uma carga emocional carregada em relação ao companheiro que pequenas coisas podem resultar em brigas e acusações. Ela “puxa” questões lá de trás e responsabiliza o namorado por todos os problemas. E os problemas, se não trabalhados, não terão fim, será como uma bola de neve, que vai crescendo conforme surgem mais mágoas (muitas vezes criada pela própria pessoa por estar sensível a tudo que o companheiro lhe diz).

Por esse motivo é fundamental trabalhar o emocional, estimulando o diálogo (assertivo) entre o casal. É preciso saber administrar e conduzir os sentimentos (raiva, irritação, impaciência, …) para não “destruir” a relação:

  • Quando o casal estiver “a flor da pele”, bravos, é melhor se afastarem e esperarem se acalmar, para então, em outro momento, buscarem formas de lidar com a situação.
  • Coisas “engasgadas” podem prejudicar. Nem sempre é interessante falar absolutamente tudo para o outro, mas é importante sinalizar e ser objetivo ao falar o que não gostou para que não se repita, e também para que as coisas possam ser esclarecidas caso necessário.
  • Identificar o que não foi bem resolvido e enfrentar a ferida emocional. Conversar com o parceiro, com o objetivo de superar os desentendimentos e a partir disso, não ficar remoendo o que já foi colocado “um ponto final”.
  • É importante o casal aprender com as brigas, vendo o que cada um precisa melhorar. É fundamental se ajudarem na superação das mágoas, buscando soluções juntos.

Nem sempre é fácil perdoar, mas de qualquer forma é necessário lidar com a mágoa para que ela não consuma a própria pessoa que sente essa dor emocional. Se a pessoa deseja continuar a relação com o parceiro, é importante ela estabelecer limites, ser clara ao falar o que não deseja mais que aconteça e superar o passado.

Quem carrega a mágoa pode se tornar “amarga” e negativa. Caso a pessoa não consiga “diluir” essa mágoa sozinha, é fundamental o acompanhamento psicológico.

28 COMENTÁRIOS

  1. Olá!

    Primeiramente o texto é excelente, e realmente cita tais verdade sobre ” mágoas no relacionamento”, mas mesmo sendo de uma construção incrível, gostaria de saber mais sobre como superar esta magoa, eu passo pela situação citada no texto a qual ser refere sobre os pesos em que a magoa causa e quaisquer tipo de desentendimento se torna um grande problema. Nós dias atuais tenho uma grande magoa no peito e não sei como tirá-la, sempre volto no mesmo assunto e muitas das vezes jogando na cara do parceiro está defrasagem a qual ele veio a cometer e não consigo me liberta disso e isto me corrói e eu o amo.

    • Bianca,

      Obrigada pelo retorno.

      Por que será que está difícil de lidar com essa mágoa? Será que afetou a confiança do casal? O que te faz voltar na mágoa?

      Como você percebeu, talvez as pequenas coisas incomodam porque existe a “grande mágoa”. Nem sempre é fácil superar a questão, então nesse momento é importante fazer acompanhamento com o psicólogo, ele poderá te ajudar a enfrentar e entender melhor o que está acontecendo

      Abraço!

      Psicóloga Michelli Duje

  2. Eu passo pela mesma situação, mais de modo contrario, o meu namorado é que não se livra das magoas, e para ele não precisa acontecer nada, parece até outra pessoa, ele começa a lembra do passado ai simplesmente pisa em mi sem dor nem piedade, eu sofro muito. Ele mi culpa por ser assim, eu menti para ele sofre algo importante, e para ele foi como uma traição, ele mi traiu de fato, ele mi culpou por isso também, eu o perdoei, eu o perdoou sempre! já conversamos sofre isso mais não adianta ele diz que vai tentar e nada muda, cheguei a terminar. Mais eu o amo e gostaria muito de poder ajuda-lo. O que eu posso para ajuda-lo?

  3. Eu tenho muitas magoas do meu relacionamento. Sou gay. Namoro com um cara. E ele é grudado demais com sua família, tanto na mãe, quanto nas irmãs. Eu já moro a 100km da minha família. Então não sou tão apegado assim. Entendo que a escolha de ficar longe da minha família foi minha. Mas isso não interfere nas minhas magoas. A familia dele fica ligando o dia inteiro, um na casa do outro, e ficam pedindo favor pra ele. Por ele ser bonzinho eles montam em cima dele. Mas o que me dá mais raiva, é que as vezes eu peço algo e ele não pode fazer. Sempre inventa desculpas. Mas quando eles pedem. Ele para o mundo e vai fazer. E quando eu falo isso pra ele, a gente briga muito. A família dele é dramática. Eles fazem chantagem emocional; dizendo que não tem carro. Que não tem dinheiro. E isso foi me corroendo por dentro. Que hoje sou outra pessoa, ate mesmo com minha família. Sou fechado, ate mesmo chato. Reconheço isso. Nossa. Isso está acabando comigo. Por favor me ajudem!

    • Bom dia Bruno,

      existem alguns pontos que é interessante perceber… Parece que existe dificuldade de estabelecer alguns limites nessas relações… também parece que existe uma disputa, e isso pode gerar ainda mais conflitos entre você e seu namorado.
      Talvez você possa conversar com o seu namorado, sem critica-lo, abrindo oportunidade para você falar sobre seus sentimentos e ele sobre os sentimentos dele….
      Existe outro ponto. É possível ter uma relação bacana com a família, estabelecendo limites. Você não precisa se fechar com sua família. Perceba se você se fechando por outras questões que não essa que você mencionou aqui….

      Se ainda assim estiver confuso para você, busque um acompanhamento com o psicólogo (pelo menos de 4 a 6 meses de tratamento) , ele vai te ajudar a entender melhor sobre essas questões

      Até mais!

      Psicóloga Michelli Duje

  4. Olá. Achei seu texto muito interessante. Assim como a Bianca do primeiro comentario estou passando pela mesma situação com meu marido. O problema maior é que eu não aguento mais fazer terapia para aprender a lidar com os problemas que não posso resolver, até abandonei. Minha magoa com ele só aumenta, pq ele não procura resolver o problema dele (bebida) pois ele não enxerga como um problema de fato. Enquanto isso, quem está “morrendo” sou eu.. Já conversei, já segui as situações que o texto sugere mas ele continua com o mesmo comportamento e eu já não consigo lidar mais com isso.

    • Bom dia Andréia,

      Você só poderá ajudar alguém que realmente quer ajuda… e tem vezes que o outro não aceita ajuda, então ele puxa o outro para baixo também (leia sobre coodependência, vai te ajudar!).
      Talvez você tenha que se perguntar se no momento você também não está precisando de ajuda (busque acompanhamento e tratamento com o Psicólogo, ele poderá te ajudar)

      Abraço!
      Psicóloga Michelli Duje

  5. Dra Michelli, o término do meu relacionamento ocorreu exatamente por conta das “magoas acumuladas”.

    Derrepente fui surpreendido com o término da relação, e mais que isso, com uma carga muito grande de rancor. É estranho pois em poucas semanas estávamos bem.

    Ela não me deixa aproximar. Pessoas próximas dizem que ela está decidida; aliás, ela disse isso por 3x depois que terminamos e nos encontramos. E ela pouco se importa se estou bem ou não.

    Gostaria de retornar, reconheço meus erros e quero corrigi-los. Mas está difícil. Já há 2 semanas não a procuro. Penso que em cerca de 1 mês ela poderia perder esse rancor e, então, aceitar pelo menos tentar uma reaproximação. Mas confesso que estou a cada dia mais a perder as esperanças.

    • Boa tarde Rui,

      Não é que ela não está pensando em você, provavelmente é que para ela não dá mais, acabou… Se ela não quer retomar a relação, você terá que aprender a aceitar e lidar com o não querer dela…
      Mas tem um ponto muito importante para você, você reconheceu o erros, então aprenda com eles para uma próxima relação…

      Att.

      Psicóloga Michelli Duje

  6. Boa tarde senti de comentar um pouco sobre a minha relação ouve traição no passado tentei esquecer mas para mim e muito difícil é p piorar o modo de pensar e muito diferente de mim ele confia e deixa uma propriedade que é dele no nome dos outros não tira não resolve e p piorar está em um serviço não tem tempo p mim nem p minha filha isso me chateia demais estou esgotada de tanto brigar não sei mas oque fazer ando estressada nervosa com tudo as vezes me sinto inútil e horrível

  7. Meu caso é o seguinte me relascionei por seis meses com um cara de 22anos eu tenho 26ele mora a uma hora da minha,cidade tudo parecia perfeito me ligava,todos os,dias e ate dizia que,me amava estudo era confiável o problema e que ele tinha uma ex que segundo ele largou marido e fihla familia pra,ficar com e ll e mas eles acabarão não dando certo brigavao constantemente teve uma filha q mora com ele …e depois de tantas brigas decidirão se separar foi ai q o conhesci ele dizia que gostava muito dela quando estavao juntos …mas que não fazia questão de voltar porque,nunca,ia,dar certo com ela e eu sempre pedi sinceridade emrelascao a is to um belo dia,a,ex aparesce com outra,crianca no brascos disendo ser filha dele fizeram exame e realmente era dele ele se separaram e ela já estava grávida nisso ele,ficou sumido por quinze Dias e eu seem saber o que,faser porq Nao,sabia DA historia ….depois ele me ligou,dinovo e disse que tinha me contar o q estava avendo na Vida dele ma’s que queria q eu continuance do lado dele e assim foi dei apoio intendedo,sumisso e tudo e outra depois disso tudo me levou PRA conhescer os pais dele ..que gostarao muinto de mim por,sinal.quando foi nomeu aniversario um,mes,depois ele,veio PRA minha casa,ficamos juntos e else me contour toda historia sobre o sumico dos quinze Dias e a fihla q,aparesceu eu fiquei na duvida .e perguntei se else realmente queria continuar ele disse que Sim e que,gostava muinto de mim entao eu disse que ia come car do,zero dnovo e assim foi quando foi,dai UN’s,Dias ele me ligou,pedindo um tempo Meu Chao caiu preferi terminar ma’s fiquei arrasada ele implorou PRA que,a amizade continue eu aceitei ma’s tenho muinta magua porq eu de verdade amo ele e voutar eu Nao vouto nunca Sera q,ele,estate so me usando ..e o poor de tudo que,depois de tan to eu insistir PRA ele falar sobre ela,ele me disse que am a ex

  8. Namoro há 8 meses, gosto de coisas recíprocas em todos os sentidos, acho que em um relacionamento as coisas devem ser levadas a sério e meu namorado muitas vezes não faz isso, eu estou exatamente como esse texto, eu posso até perdoá-lo pelo o que ele me fez, mas aquilo ainda continua dentro de mim e na primeira oportunidade eu taco na cara dele, essa mágoa e a quantidade de briga vem me atrapalhando e mudando a nossa relação, já que não consigo ser a mesma de sempre. Ele realmente é bom pra mim e faz de tudo,mas essas mágoas são constantes e não sei se largo ou não dele

  9. É muito dificil mesmo, todo mundo deve ter alguma mágoa. Li os comentários aqui, e as histórias são muitas e os motivos diversos. Eu tenho mágoas no meu relacionamento, e acabei ficando uma pessoa amargurada, negativa, estressada, irritada. Resumindo, qualquer briga ou desentendimento, me faz jogar na cara as coisas que me magoaram no passado. Eu acabo pegando pesado, e sendo muito agressiva com ofensas e palavras. Não queria sentir isso, mas também não sei o que fazer pra me livrar desse peso, porque pra mim não é fácil simplesmente esquecer o passado.

  10. Achei interessante o texto, estou num relacionamento ha 15 anos com muitas turbulências, conflitos, tristezas, traições etc..
    Ele ja falou coisas e teve atitudes que só de lembra dói , da aquele frio na barriga, um mau estar gigante. choro todos os dias me sinto desanimada pra baixo e inferior.
    Sofro muito ccom isso. Sei que preciso de ajuda psicológica pois não estou bem.
    Queria muito tirar essa mágoa do meu coração mas não consigo.
    me ajude por favor.

  11. Tenho um relacionamento com minha namorada a 9 anos. Eu a amo muito. Ela me ajudou a me erguer na vida. Hoje eu estou me formando policial militar e já trai ela com 3 mulheres nesse tempo de curso. Coisa que eu não havia feito em 9 anos. Meu coração está muito confuso pois estou gostando de outro menina. Por favor me ajude com seus conselhos a entender oque está acontecendo comigo e oque devo fazer neste caso. Fico no aguardo. Obrigado.

  12. Tenho um relacionamento e guardo muita mágoa do início…ele mentia pra mim é sempre me trocava por uma outra mulher que nem tinha nada com Ele,amo muito ele mais essa minha mágoa acaba um pouco com minha relação,já pensei em me separar dele pois acho q ele só ficou comigo por que a outra só queria a amizade dele mais não sei se consigo largar ele.

  13. Creio que meu problema tenha fatores agravantes…
    Tive uma relação turbulenta que durou 2 anos. Tinhamos altos e baixos, momentos de muito afeto e brigas terríveis também. Meu namorado gostava de me provocar com coisas que me faziam explodir de raiva e depois se revoltava comigo pela reação “descabida” que tive. Houve um momento em que decidi parar de brigar e procurei fazer tudo certo. Passei a ignorar como podia as diversas e quase que diárias provocações dele. Ele se tornou emocionalmente agressivo e sofri muito naquela época, que durou 3 meses. Ele então, terminou nosso relacionamento na frieza de uma mensagem, sem sequer ter uma conversa presencial. Passamos 5 meses separados, e neste tempo ele fez de tudo que podia para me agredir. Sabia que eu não admitia a prostituição, por exemplo, e saiu com prostitutas, deu em cima de amigas minhas, ficou com uma delas inclusive, vinha sair e aprontar aqui na minha cidade (moramos em cidades diferentes), fazia questão de aparecer no meu ciclo, foi atrás de pessoas que sabia que eu não suportava e ficou com elas, enfim… Passados 5 meses, reatamos. No início, durante 4 meses, ele seguia abusivo. E eu procurava não brigar. Atualmente se deu conta de tudo, coloca que se arrependeu e tenta ser um bom namorado. No entanto, não consigo esquecer tudo isso. Sinto muita mágoa, raiva e revolta, não consigo aproveitar o presente, mas ainda o amo… Me sinto perdida, já tive vontade de parar de viver. Faço acompanhamento terapêutico a anos, mas quanto a estas questões não vejo melhoras… Não sei o que fazer!

  14. Boa noite preciso muito de ajuda no passado namorei um rapaz ele foi meu primeiro namorado,depois de um tempo de namoro ele terminou pq tinha engravidando outra,sofri muito e acabei indo embora para outro estado e nunca mais eu procurei pq soube que ele tinha casado com ela e agora passando mais ou menos 13 anos ele venho atrás de mim e acabou me encontrado pelo facebook e começamos a conversar no começo fiquei firme e disse não mais fazia algum tempo que eu estava separada do meu marido,eu sempre gostei dele e acabei cedendo sem pensar muito e acabei acreditando nele,tantas juras e promessas e acabei deixando tudo o que eu tinha para ficar com ele,deixei emprego tudo e quando estava tudo acertando para ele sair de casa,ele voltou atrás dizendo que não consegue deixar os filhos ,agora estou perdida sem emprego,sozinha já que fiquei mais de 13 anos sem voltar,estou sofrendo muito,pq ele me magoou outra vez,não consigo mais chorar, eu gosto muito dele,ele diz que me ama,mais a vida dele é muito complicada,estou perdida o dinheiro que eu tinha está acabando não sei o que faz,ele parece não ver o que fez comigo.Me ajude quero morrer como fui tola.Mudei minha vida e ele ficou na mesma pq a mulher aceita tudo o que ele faz.não sei oque fazer.

  15. Olá Boa noite ! Meu nome é Alan, não sei se vocês vão me responder mais acho que sim. Então tive um problema no passado com minha namorada, e tudo começou assim né, eu trabalhava em uma imobiliária e lá tinha um cara gay e esse cara gay era meu patrão. Então agente saia para almoçar mais como gente normais sabe nunca tive preconceitos, então esse cara se apaixou por mim do nada eai foi onde tudo começou. Eai eu descobri e pedi para sair do serviço esse cara fez um inferno na minha vida fez fake em face book se passando por mim e descobriu o número da minha namorada e começou mandar print de conversa que eu tive com ele pra ela, sabendo que nao era eu. bom depois daí envolveu outro cara que hoje em dia ele está preso graças a deus. Eai ela sentou comigo e conversou começou chorar porque eu fiz isso com ela e etc… E esse cara ameaçou ela me ameaçou eai eu resolvi tudo é provei a ela que tudo era mentira que ele fez fake que o outro cara era cobrador de dívida etc… coloquei ele na cadeia, enfim eu falei pra ela que tudo iria ficar bem fui e resolvi né ai tudo passou, ai ela ficou com essa magoa do mesmo jeito mesmo eu provando á ela tudo isso colocando minha vida em risco e protegendo ela. Mais nada mudou ela nunca mais foi a mesma comigo. E eu sempre fazendo coisas diferente sempre mando mensagem de bom dia de boa noite falo que amo ela a todo momento mando fotos nossas faço vídeos etc… só que pow eu nao estou aguentando mais de ver ela assim de só eu demostrar amor por ela e ela finge que se preocupa comigo, ela se fechou de um modo que eu estou sofrendo para tirar isso dela. Faço de tudo pra ela e nada está bom sabe, às vezes penso em largar tudo e seguir enfrente mais não consigo eu amo ela de mais o meu amor por ela é muito forte mesmo ! E acho que por isso agente está juntos ainda e também tenho certeza que ela me ama ainda porque não ela não estaria comigo também é e não tinha confiado em mim, enfim se vocês poderem me ajudar vou agradecer.

  16. Estou passando pela mesma situação, moro com meu esposo há quinze anos, antes de mim ele namorou uma pessoa que fez ele sofrer demais, mais mesmo assim eu sentia que ele ainda gostava dela, mais o tempo foram passando e todas as vezes que brigo com meu marido eu jogo coisas de quando eles estavam juntos, coisas essas que eu soube através de amiga minha que conhecia ele antes de nós dois estarmos juntos, eu sofro muito com isso, me faz muito mal, mais não consigo deixar de tocar no nome da ex dele todas as vezes que brigamos, guardo muita mágoa do meu marido, tem outros motivos para sentir mágoas dele, meu casamento está muito desgastado pelo menos uma vez na semana a gente briga, gostaria muito de uma orientação.

  17. Olá
    Meu caso é meu namorado,eu observei que ele guarda muita mágoa pra si, é isso acaba fazendo mal pra ele é pra mim que sou namorada. Ele não consegui esquecer as coisas do passado !!! Queria poder ajudá-lo. Obs : pensei em sugerir dele ir ao psicólogo, porém ele não gosta.
    Gostaria saber se tem algo que eu possa ajudá-lo a melhorar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor informe seu nome